No próximo Sábado, dia 10 de Setembro, às 18h00, terá lugar o sexto concerto do IV Ciclo Um Músico, um Mecenas (2016), ciclo de concertos com instrumentos históricos actualmente preservados na colecção instrumental do Museu Nacional da Música, em Lisboa. Dedicado uma vez mais ao violoncelo – este ciclo justamente tem contado com a participação dos mais importantes violoncelistas portugueses do nosso tempo –, este concerto reunirá a violoncelista Diana Vinagre e o organista Fernando Miguel Jalôto num um programa extraordinário sob o título Bolonha 1689: o despertar do violoncelo, com obras para violoncelo solo senza basso, ou violoncelo e baixo contínuo, de autores como Domenico Gabrielli (1659-1690), Lodovico Filippo Laurenti (ca. 1690-1757), Giuseppe Maria Jacchini (1667-1727) ou Alessandro Scarlatti (1660-1725), a que acrescem transcrições de Giovanni Bononcini (1670-1747) e, testemunhando a influência transversal deste repertório, obras para órgão de José António Carlos de Seixas (1704-1742) e Giovanni Battista Martini (1706-1784). A par da raridade do repertório aqui coligido e dos intérpretes de excepção que já no ciclo anterior deram a ouvir um concerto inesquecível, os dois instrumentos preciosos que servirão este programa justificam a visita ao Museu Nacional da Música neste Sábado: são estes um dos tesouros da colecção, o violoncelo histórico de Félix AntónioDinis (provável discípulo de Joaquim José Galrão), construído em Lisboa, “em casa / da Viuva de Galram, Anno de 1797” (Inv. MM 43), e o órgão histórico construído por Joaquim António Peres Fontanes, um dos mais proeminentes organeiros portugueses da segunda metade do séc. XVIII (Inv. MM 582, ca. 1780), classificado como Tesouro Nacional.

O ciclo Um Músico, um Mecenas tem como prioridade sensibilizar o público para a necessidade imperiosa que os instrumentos musicais têm de manutenção cuidada e de regularidade quase diária, factor que distingue uma colecção instrumental de quaisquer outros tipos de património museológico por natureza. No Museu Nacional da Música, em Lisboa, preserva-se justamente uma das mais ricas colecções instrumentais da Europa. Para este concerto, Diana Vinagre, Fernando Miguel Jalôto e Elise Derochefort, que preparou especialmente o violoncelo Dinis, constituem-se, assim, em mecenas do Museu Nacional da Música, que conta com diversos outros apoios, entre os quais figuram também o MPMP – Movimento Patrimonial pela Música Portuguesa e a RDP – Antena 2.

Todos os concertos têm entrada livre, condicionada à capacidade da sala. Em razão da grande afluência que os concertos têm vindo a registar, aconselha-se, porém, a chegada ao Museu com alguma antecedência. Para reservas ou mais informações, contacte o Museu Nacional da Música através do telefone 21 771 09 90.

Sobre o autor

José Carlos Araújo

Estudou cravo, órgão e música antiga em Lisboa, exercendo intensa actividade, quer a solo, quer com agrupamentos de música antiga e orquestras. Licenciou-se na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, onde estudou Filologia Clássica e em cujo Centro de Estudos Clássicos é investigador. Prepara actualmente a primeira tradução portuguesa das Cartas de Plínio. Integra a Direcção da revista 'Glosas'.

Deixe um comentário

O seu endereço de correio electrónico não será publicado.