O DS-CEMSP organiza, entre os dias 30 de Junho e 2 de Julho de 2017, no Palácio Nacional de Queluz, o Colóquio Internacional Os Espaços teatrais para a Música na Europa do séc. XVIII. Reunindo a participação de especialistas em várias áreas, desde a ópera às artes cénicas e da interpretação e aos seus espaços próprios, este colóquio, de acordo com o programa divulgado à comunicação social, tem como objectivo primordial a promoção de um diálogo multidisciplinar em torno da especificidade e da heterogeneidade dos espaços para o espectáculo teatral na Europa durante a época setecentista. Entre os académicos presentes – de Portugal, Itália, Espanha, França, Alemanha, Hungria, Israel, Brasil e Estados Unidos da América –, estarão, na qualidade de oradores convidados, Maria Ida Biggi, professora da Universidade Ca’ Foscari de Veneza e Directora do Istituto per il Teatro e il Melodramma da Fondazione Cini, e o Arq.º Luís Soares Carneiro, professor da Universidade do Porto.

Em conjunto com a densa rede de teatros, quer de corte, quer públicos, serão abordadas temáticas relacionadas com construções efémeras em espaços interiores e exteriores e os diferentes aspectos da teatralidade em relação com configurações cénicas e arquitectónicas, bem como os contextos que lhes são inerentes e ocasiões da vida social representativas do teatro musical.

O programa inclui um concerto intitulado Giovanni Paisiello, Arie per castrato, com obras de David Perez, Giovanni Paisiello e Luigi Boccherini, interpretado pelo agrupamento Divino Sospiro, tendo como solista o contratenor italiano Filippo Mineccia, que terá lugar no dia 30 de Junho às 19h00, na Sala de Música do Palácio de Queluz. Para os conferencistas, decorrerá ainda uma visita guiada ao Teatro Nacional de São Carlos, orientada pelo Arq.º Luís Soares Carneiro.

Os Espaços teatrais para a Música na Europa do séc. XVIII

Palácio Nacional de Queluz, 30 de Junho – 2 de Julho de 2017

COMISSÃO CIENTÍFICA

Cristina Fernandes, Giuseppina Raggi, Iskrena Yordanova, Francesco Cotticelli, Manuel Carlos de Brito, Paologiovanni Maione

O Colóquio Os Espaços teatrais para a Música na Europa do séc. XVIII decorre em parceria com o Centro de Estudos de Teatro da Universidade de Lisboa, a Fondazione Cini, a Società Italiana di Musicologia e o Teatro Nacional de São Carlos, contando com o apoio da empresa Parques de Sintra – Monte de Lua, do Instituto Italiano de Cultura de Lisboa, do grupo Pestana – Pousadas de Portugal e da Direcção-Geral das Artes.

Sobre o autor

José Carlos Araújo

Estudou cravo, órgão e música antiga em Lisboa, exercendo intensa actividade, quer a solo, quer com agrupamentos de música antiga e orquestras. Licenciou-se na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, onde estudou Filologia Clássica e em cujo Centro de Estudos Clássicos é investigador. Prepara actualmente a primeira tradução portuguesa das Cartas de Plínio. Integra a Direcção da revista 'Glosas'.

Deixe um comentário

O seu endereço de correio electrónico não será publicado.