A cidade de Angra do Heroísmo irá acolher entre 26 de Novembro e 17 de Dezembro uma série de três concertos intitulados “Órgãos dos Açores Património em Angra 2016 Concertos do Advento”. A organização destes concertos está a cargo da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, contando com Olga Lysa como organista.

Os concertos, cujos programas ainda não foram anunciados, estão agendados para as 17h00 dos respectivos dias. O primeiro concerto irá ocorrer a 26 de Novembro, no órgão Joaquim António Peres Fontanes (1793) da Igreja do Convento de S. Gonçalo. Para dia o 3 de Dezembro  está agendado o concerto na Igreja de Nossa Senhora da Guia, do Convento de S. Francisco (actual Museu de Angra), no órgão António Xavier Machado e Cerveira (1788), restaurado recentemente pelo mestre organeiro Dinarte Machado. O ciclo encerra no dia 17 de Dezembro com o concerto no órgão António Xavier Machado e Cerveira (1829) da Igreja da Misericórdia de Angra. Todos os concertos são de entrada livre.

Consulte mais informações aqui.


OLGA LYSA é licenciada em Piano e Órgão pelo Conservatório Superior Estatal P. I. Tchaikovsky de Kiev, onde obteve o diploma do Curso Superior de Piano sob orientação de A. Muravsky em 1983 e o diploma do Curso Superior de Órgão sob orientação de Galina Bulybenko em 1988. Realizou pós-graduações com organistas como Leopoldis Digris, Ferdinan Klinda, A. Sacetti, Leo Kremer, Gaston Arel, entre outros. Foi solista no National House of Organ and Chamber Music de Kiev e acompanhou o Coro Masculino Nacional Revutsky da Ucrânia. Leccionou no Instituto Superior Estatal de Cultura, tendo também participado em vários festivais de música contemporânea nas repúblicas da extinta União Soviética e na Europa. Entre 1995 e 2000 foi professora convidada de Órgão no Conservatório Regional da Horta e organista titular da Igreja Matriz da mesma cidade. Desde 2001 lecciona Piano e Órgão no Conservatório Regional de Angra do Heroísmo. De 2005 a 2012 foi organista da Sé de Angra. Para além destas actividades, tem-se apresentado regularmente como solista ou acompanhadora em agrupamentos musicais de constituição diversa.

Sobre o autor

Natural dos Açores, é doutorando em Musicologia na Universidade de Évora, Mestre em Ciências Musicais pela FCSH-NOVA e Licenciado em Musicologia pela Universidade de Évora. É colaborador no Pólo de Évora do CESEM e no MPMP (edições mpmp e revista glosas) e consultor do atelier de conservação e restauro Acroarte. Entre 2011 e 2012 realizou o catálogo do fundo musical do Arquivo Capitular da Sé de Angra e, entre 2014 e 2015, foi bolseiro no projecto “Orfeus”, integrando actualmente o projecto "Música Sacra em Évora no Século XVIII". Em 2012 fundou o Ensemble da Sé de Angra, em 2013 o Ensemble Eborensis com quem gravou um CD. O seu trabalho centra-se na polifonia vocal portuguesa dos séculos XVI e XVII (Sé de Évora) e a música no arquipélago dos Açores desde o povoamento até ao final do século XIX.

Deixe um comentário

O seu endereço de correio electrónico não será publicado.