O mês de Fevereiro está já a ser palco de algumas apresentações da Orquestra Clássica do Sul.

No passado dia 3, foi possível ouvir, no Salão Nobre da Santa Casa da Misericórdia de Faro, um concerto de música de câmara sob o título Uma viagem Europeia. Do programa constaram o Divertimento n.º 3, em Fá maior, K. 138/125c de W. A. Mozart, o Quarteto de Cordas n.º 2, em Ré maior (III. Nocturne) de A. Borodin, La Oración del Torero, de J. Turina, e, finalmente, Cenas nas Montanhas de Vianna da Motta. As interpretações estiveram a cargo dos violinistas Jan Pipal e Emilian Petrov, da violetista Ivetta Natzkaya e do violoncelista Pedro Silva.

A 12 de Fevereiro, no âmbito dos Concertos Promenade 2017, a OCS trará a miúdos e graúdos um convite para entrarem no mundo da fantasia com A História do Pequeno Alfaiate de Tibor Harsányi. Este concerto terá lugar em duas cidades no mesmo dia: em Faro, pelas 12:00, no Teatro das Figuras (reservas através do número de telefone 289 888 110), e em Lagoa, pelas 16:30, no Auditório Municipal (reservas através do 282 380 434, ou 282 380 452). No decorrer do concerto serão ainda interpretadas obras de Bucalossi, Curzon e Avery. O maestro associado será John Avery e a narração estará a cargo de Linda Valadas.

No dia 15 de Fevereiro, no âmbito do ciclo de concertos pedagógicos 2017, em parceria com a Caixa Geral de Depósitos, a OCS efectuará um concerto reservado à comunidade escolar, pelas 10:30, sob a direcção do maestro Rui Pinheiro. Finalmente, a 19 de Fevereiro, pelas 16:00, será apresentado no Teatro das Figuras um tributo a Zeca Afonso. O maestro será, uma vez mais, Rui Pinheiro (reservas: 289 888 110).

Sobre o autor

Rita Faleiro

Rita Faleiro é doutoranda em Musicologia na Universidade de Évora, Mestre em Ensino da Música (Piano) pelo ISEIT - Almada e Licenciada em Piano e Arqueologia pela Universidade de Évora. Trabalhou como professora de Piano em diversas instituições e organizou diversas Masterclasses, tendo participado igualmente em múltiplas edições das Jornadas “Escola de Música da Sé de Évora”. Actualmente o seu trabalho académico centra-se na investigação de música sacra portuguesa, nomeadamente os salmos concertados da segunda metade do séc. XVIII dos compositores eborenses.

Deixe um comentário

O seu endereço de correio electrónico não será publicado.