Durante cerca de um mês, o barítono português Tiago Matos irá participar na segunda edição do Festival Internacional Prague Summer Nights — Young Artists Music, na capital da República Checa. De 12 de Junho a 10 de Julho, este barítono poderá trabalhar com os mais prestigiados especialistas na área, como os cantores Sherill Milnes e Maria Zouves, os maestros John Nardolillo e James Burton, ou o encenador Nick Olcott. Esta será também uma oportunidade para o Tiago mostrar o seu trabalho ao público internacional e para cantar no mesmo palco onde foi estreada a ópera Don Giovanni de W. A. Mozart.

Natural de Vila Real, Tiago contactou desde muito cedo com o teatro, a música e a dança. Despois de terminar os seus estudos em Piano, decide experimentar um novo instrumento, a voz, aumentando progressivamente o seu interesse pela ópera. Mais tarde, inicia os seus estudos superiores na Universidade de Aveiro e é em 2012 que surge a oportunidade de viajar para Paris e integrar o programa para jovens artistas da Ópera Nacional desta cidade.

O Prague Summer Nights — Young Artists Music Festival proporciona, durante trinta dias, uma experiência pedagógica e interpretativa a jovens cantores e instrumentistas que procuram aqui divulgar o seu trabalho e promover a sua carreira operática. Com uma equipa pluridisciplinar que integra instrumentistas, maestros, cantores, encenadores, vocal coaches e outros profissionais com carreira nas mais prestigiadas orquestras e salas de espectáculo mundiais, este festival promove concertos, masterclasses e aulas com profissionais de renome.

Mas o Prague Summer Nights — Young Artists Music Festival não conta apenas com as récitas da ópera Don Giovanni de W. A. Mozart no Teatro Nacional de Praga, conta ainda com mais sete concertos que vão desde a música de câmara ao jazz nas diversas salas de concerto da cidade. Toda a informação sobre este Festival está disponível no website do evento: http://www.praguesummernights.com/ .

À semelhança da edição anterior, esta segunda edição conta com participantes não só da Europa como da Ásia e do Continente Americano, estudantes nas mais prestigiadas escolas. Organizado pela Classical Movements, Inc., uma conceituada empresa de promoção cultural, este Festival é uma ocasião única para os jovens intérpretes trocarem conhecimentos, trabalharem com nomes conceituados da cena musical internacional e actuarem no mesmo palco onde W. A. Mozart estreou Don Giovanni em 1787. Para o barítono português esta será certamente uma oportunidade ímpar na sua carreira.

Sobre o autor

Sofia Vieira Lopes

Doutoranda em Etnomusicologia na FCSH-NOVA com um projecto financiado pela FCT para o estudo do Festival RTP da Canção e do seu papel na produção musical em Portugal. É licenciada em Ciências Musicais e Mestre em Etnomusicologia pela mesma instituição, com uma dissertação dedicada ao programa televisivo Zip-Zip (RTP, 1969). É investigadora do INET-md desde 2008. Leccionou História da Música, Formação Musical e Classes de Conjunto nos Conservatórios de Ourém, Fátima, Sines e Tomar e estudou clarinete na SFGP (Tomar). O seu interesse académico é centrado na relação Música-Televisão, mas interessa-se igualmente pelo universo das Bandas Filarmónicas em Portugal.

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de correio electrónico não será publicado.