A Miso Music Portugal / MIC.PT, enquanto Secção Portuguesa da Sociedade Internacional de Música Contemporânea (ISCM), lança a Chamada de Obras para o festival ISCM World New Music Days 2025, que terá lugar pela primeira vez em Portugal entre os dias 30 de maio e 7 de junho do próximo ano em Lisboa e no Porto. O Festival irá ocorrer na Fundação Calouste Gulbenkian, Centro Cultural de Belém, Mosteiro dos Jerónimos, MAAT, Museu do Dinheiro, O’culto da Ajuda (ISCM WNMD 2025 Festival Hub), São Luiz Teatro Municipal e Casa da Música.

O ISCM World New Music Days é um dos maiores festivais do mundo e nunca teve lugar em Portugal. O título, “Sede de Mudança”, refere-se ao meio ambiente, em especial à água, e por conta disso organiza-se um seminário e um debate com especialistas em arte, geologia, física, sociologia, antropologia e filosofia.

A chamada é constituída por 14 categorias que englobam música para orquestra, ensemble de cordas e grupo de percussão, obras para ensembles de geometrias diferentes, peças para quarteto de cordas, trios, duos e instrumentos solo (todas elas com ou sem eletrónica), e ainda guitarra portuguesa; além de composições para coro juvenil, música eletroacústica e instalações audiovisuais. Há duas modalidades para apresentar as candidaturas: 1) Individual, realizada pelos compositores e compositoras, ou pelos seus representantes autorizados; 2) Oficial, realizada através das Secções ou Membros da ISCM, que lançam as suas próprias chamadas e convites.

O festival ocorre em parceria com a Fundação Calouste Gulbenkian, Camerata Alma Mater, Casa da Música, Centro Cultural de Belém, Coro Jovem da Universidade de Lisboa, Concrète [LAB] Ensemble, Ensemble MPMP, Mosteiro dos Jerónimos, Quarteto de Cordas de Matosinhos, MAAT, Museu do Dinheiro, Orquestra Metropolitana de Lisboa, Orquestra de Câmara Portuguesa e Sond’Ar-te Electric Ensemble.

Terá como orquestras a Gulbenkian, Orquestra Metropolitana de Lisboa, Sinfónica do Porto Casa da Música. E contará com os seguintes ensembles: Camerata Alma Mater, Concrète [Lab] Ensemble, Ensemble MPMP, Quarteto de Cordas de Matosinhos, Remix Ensemble Casa da Música, Sond’Ar-te Electric Ensemble. E ainda com o Coro Jovem da Universidade de Lisboa, o Sond’Ar-te Trio, os duos Komorebi Duo – Camila Mandilo e João Casimiro de Almeida (soprano e piano); e Nuno Pinto e Elsa Silva (clarinete e piano). E os seguintes solistas: Camila Mandillo (soprano), Nuno Pinto (clarinete),  Henrique Portovedo (saxofone), Elsa Silva (piano), Miguel Amaral (Portuguese guitarra) e Filipe Quaresma (violoncelo).

As submissões devem ser feitas até 25 de Abril de 2024. O anúncio das obras selecionadas irá ocorrer até Julho de 2024. Dúvidas devem ser enviadas para wnmdays2025-portugal@misomusic.com

Sobre o autor

Avatar photo

Diplomada pela Universidade de São Paulo, onde se licenciou em História, concluindo o mestrado e o doutoramento em Arqueologia e integrando o LARP, Laboratório de Arqueologia Romana Provincial, enquanto Supervisora de Programas e Pesquisas. Foi docente de História da Arte em diversas instituições universitárias e no MASP, Museu de Arte de São Paulo. Realizou o estágio doutoral no Collège de France, Paris, especializando-se depois em Gestão Cultural no SENAC, Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, e concluindo o mestrado em Empreendedorismo e Estudos da Cultura — Património no ISCTE, Lisboa, tendo neste âmbito sido distinguida com um Prémio de Excelência Académica.