O MPMP, Movimento Patrimonial pela Música Portuguesa, está durante esta semana no Pequeno Auditório do CCB, Centro Cultural de Belém, para as gravações do segundo CD da integral das sonatas para piano de João Domingos Bomtempo (1775-1842), projecto iniciado pelo pianista Philippe Marques em 2013.

Seguindo-se a João Domingos Bomtempo | Sonatas I (décimo volume da colecção discográfica melographia portugueza, lançado em Dezembro último), neste CD será gravado pela primeira vez o conjunto das Grandes Sonatas Op. 9, publicadas em Londres, em 1811, tendo como dedicatário Muzio Clementi, incluindo a versão da terceira sonata com o acompanhamento de violino previsto ad libitum (com a interpretação aqui confiada à violinista Tamila Kharambura, vencedora de dois Primeiros Prémios do Concurso Jovens Músicos: Nível Médio, em 2007, e Nível Superior, em 2011, além do Prémio Maestro Silva Pereira/Jovem Músico do Ano, no mesmo ano).

Prevê-se a edição deste CD já neste ano, como próximo volume da colecção melographia portugueza.
À semelhança do primeiro volume da integral das sonatas de Bomtempo, a produção e direcção musical da gravação estão a cargo de Duarte Pereira Martins, com captação e edição da responsabilidade de Filipe Chaves.

 


 

 

Philippe Manuel Vicente Marques nasceu em 1991 em Lausana, Suíça. Iniciou os estudos musicais no Conservatório Regional Silva Marques, na classe de Catherine C. Paiva. Completou o Curso de Piano no Conservatório Nacional, em Lisboa, com a máxima classificação, na classe de Helder Entrudo. Actualmente, é mestrando na Escola Superior de Música de Lisboa, onde estuda com Miguel Henriques. Participou em diversas masterclasses, recebendo orientação de Luiz de Moura Castro, Sequeira Costa e Dmitri Alexeev.

Como solista, interpretou o 1.º Concerto para piano e orquestra de Franz Liszt, em Março de 2011, com a Orquestra Sinfónica da Escola Superior de Música de Lisboa, sob a direcção de Vasco Pearce de Azevedo. Apresentou concertos a solo em Paris (França), na Califórnia (E. U. A.), em Belo Horizonte e São Paulo (Brasil), e em alguns dos mais importantes palcos portugueses, incluindo no seu repertório obras de Fryderyk Chopin, Alexander Scriabin, António Fragoso e Fernando Lopes-Graça, entre outros.

Dedica-se igualmente à música contemporânea, tendo colaborado com o Grupo de Música Contemporânea de Lisboa e estreado várias obras de jovens compositores. Gravou para a etiqueta melographia portugueza (ed. MPMP) um CD com sonatas para piano de João Domingos Bomtempo.

Integra o Ensemble MPMP desde a sua fundação, tendo participado na digressão ‘Música portuguesa em viagem | Brasil 2014’, no contexto da qual participou, com o pianista Duarte Pereira Martins, num programa da TV Brasil com música portuguesa para piano solo e piano a quatro mãos.

É docente no Conservatório de Música da Metropolitana.

Sobre o autor

Avatar photo

Estudou cravo, órgão e música antiga em Lisboa, exercendo intensa actividade, quer a solo, quer com agrupamentos de música antiga e orquestras. Licenciou-se na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, onde estudou Filologia Clássica e em cujo Centro de Estudos Clássicos é investigador. Prepara actualmente a primeira tradução portuguesa das Cartas de Plínio. Integra a Direcção da revista 'Glosas'.