Está aberto até ao próximo dia 28 de Maio o prazo para submissão de trabalhos a apresentar ao Simpósio Internacional Pe. José Maurício Nunes Garcia: 250 anos, que decorrerá na Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), a 22 e 23 de Setembro de 2017, celebrando a obra do grande Mestre da Capela Real do Rio de Janeiro.

Resultado da organização conjunta do Grupo de Investigação “Pólo Caravelas Brasil”, do programa de Pós-Graduação em Música da UFRJ, em parceria com o Caravelas – Núcleo de Estudos da História da Música Luso-Brasileira (CESEM-UNL), este simpósio tem por objectivo “uma avaliação crítica do papel do Pe. José Maurício Nunes Garcia dentro da história da música luso-brasileira”. Pe. José Maurício, nascido ainda no Rio de Janeiro português, a 22 de Setembro de 1767, viria a morrer já após a independência do Brasil, em 1830, sendo, deste modo, tradicionalmente referido como o “primeiro grande compositor brasileiro”. Para esta consideração (justamente a sua descrição como “o mais importante compositor brasileiro em actividade no início de Oitocentos” pode ler-se na chamada de comunicações do simpósio) muito viria também a contribuir, no séc. XIX, a criação de uma rivalidade ficcional entre o padre-mestre (anacronicamente considerado brasileiro) e o português Marcos Portugal, ficção que encontra o seu máximo expoente na biografia romântica do Visconde de Taunay, fonte ainda em larga medida de muitos estudos musicológicos até ao séc. XX. Desta hipotética rivalidade teria resultado a desgraça do padre-mestre, no final da vida, numa narrativa largamente devedora da imagem idealizada do artista romântico, conjugada ainda com a exploração de um tópico de inferiorização racial em época de consolidação das consciências nacionais, que, todavia, só muito recentemente tem vindo a ser posta em causa.

O simpósio contará com conferências, mesas-redondas, comunicações e um concerto comemorativo. Os investigadores que estudem a obra do Pe. José Maurício Nunes Garcia ou o universo musical seu contemporâneo são convidados a enviar propostas de comunicação, em português ou inglês, segundo as normas habituais, disponíveis para consulta na página do núcleo Caravelas (contacto directo: nucleocaravelas@gmail.com).

Sobre o autor

Avatar photo

Estudou cravo, órgão e música antiga em Lisboa, exercendo intensa actividade, quer a solo, quer com agrupamentos de música antiga e orquestras. Licenciou-se na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, onde estudou Filologia Clássica e em cujo Centro de Estudos Clássicos é investigador. Prepara actualmente a primeira tradução portuguesa das Cartas de Plínio. Integra a Direcção da revista 'Glosas'.